Em contato com o BLOG DO RICARDO, mães lamentaram a morosidade no atendimento no Pronto Socorro do Hospital Municipal Esaú Matos neste feriadão de Carnaval. Em áudio, que o BA encaminhou ao diretor geral da Fundação Pública de Saúde de Vitória da Conquista, uma cidadã relatou o fato lhe deixou muito indignada. “A quantidade de tempo que uma criança fica para ser atendida, a falta de pediatra também que foi o caso desse feriado de Carnaval. Pediatra faltou, pessoas que chegaram sete, oito, dez horas da manhã foram ser atendidas quatro horas da tarde, sem contar que teve mães chorando, desistindo porque, pela demora e também pela questão de prioridade, troca de fichas, erro na troca de fichas e acabou gerando um caos”, disse a internauta. De acordo com a conquistense, teve mãe que levou somente uma mamadeira e por morar distante do Hospital Municipal Esaú Matos ficou sem as devidas alimentações para ela como também às suas crianças. na noite da segunda-feira (12), “o Hospital Esaú Matos informa que todos os médicos plantonistas trabalharam normalmente durante a escala do feriado. Assim, não procede a informação de que pediatras estavam ausentes no momento do atendimento