Homem que estava sendo procurado pelo assassinato do jovem Rodrigo Oliveira Lopes, de 21 anos, ocorrido no domingo (26), durante uma festa promovida na comunidade Fazenda Marta, a 11 quilômetros do centro de Vitória da Conquista, se apresentou à Polícia Civil ontem (30), confessou o crime, mas não ficou preso, pois já havia passado 48 horas do fato, impedindo o flagrante. Segundo o delegado Hudson Santana, o assassino confesso, Osvaldo Oliveira Dias, de 26 anos, foi indiciado em inquérito e a prisão dele foi solicitada à justiça.

O delegado informou ao BLOG que Osvaldo disse que estava alcoolizado e matou Rodrigo por motivo banal, uma “discussão de festa sem motivo aparente”, de acordo com Hudson Santana. O delegado que a decretação da prisão deve acontecer nos próximos dias.

Assassino e vítima não eram amigos. Osvaldo chegou a ser pego por seguranças do evento, mas conseguiu fugir. No local se realizava uma festa com o objetivo de angariar fundos para a reforma da igreja da comunidade. Do Blog de Giorlando Lima

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook