Uma jovem de 18 anos, que desapareceu no sábado (10) durante um ‘fluxo’- como são conhecidas as festas de funk que reúnem jovens nas ruas – foi encontrada morta com sinais de violência na manhã desta segunda-feira (12) na Estrada do Sertãozinho, na zona norte de São José dos Campos (SP).O corpo de Jamile Fernandes foi encontrado pela Polícia Militar próximo ao ponto final da Estrada do Sertãozinho, perto do bairro Buquirinha.

Segundo a polícia, havia marcas de violência na cabeça, na perna esquerda, nas mãos e perfurações, supostamente causadas por tiros. A Polícia Civil vai investigar o caso e não há suspeito de autoria do crime até o momento. De acordo com o boletim de ocorrência registrado por familiares pelo desaparecimento, Jamile Fernandes saiu com uma amiga por volta de 22h e não retornou para casa. Elas foram para uma festa do ‘fluxo’ na comunidade Santa Cruz, no Centro da cidade. Parentes tentaram contato pelo celular da jovem, mas o aparelho estava desligado.

O reconhecimento do corpo no IML foi feito por meio de fotos. “Reconhecemos pelas tatuagens porque o rosto dela estava irreconhecível. Estamos inconformados”, disse Marina Lima, tia da vítima.

Desaparecimento

Familiares chegaram a fazer postagens em redes sociais pedindo ajuda para localizar a jovem. Segundo a tia de Jamile, uma mensagem anônima informou que ela estaria acompanhada de uma amiga e de alguns rapazes. Um deles teria agredido a jovem e levado ela em um carro preto. O caso, registrado como homicídio, será investigado pela Polícia Civil.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé, telefone, selfie, close-up e área interna