A esposa do romeiro Manuel Santos dos Anjos, que morreu atropelado por um ônibus de uma banda católica na Dutra neste sábado (28), disse que ele seguia em peregrinação para o Santuário Nacional de Aparecida (SP) para agradecer pelo resultado de uma cirurgia. “Ele foi agradecer uma cirurgia de hérnia que deu certo”, disse Cristiane Silva.

Ele caminhava pelo acostamento, no trecho de Aparecida, quando foi atingido pelo coletivo da banda Rosa de Saron. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista disse que perdeu o controle da direção e o veículo invadiu o local onde Manuel estava. Segundo a esposa, era a primeira vez que Manuel fazia uma peregrinação até a Basílica de Aparecida. O corpo do romeiro será velado a partir das 18h no velório municipal de São José dos Campos, cidade em que morava.

“Ele queria vir a pé e não tinha vaga no grupo da igreja. Ele insistiu, até que na quinta uma pessoa desistiu e ele veio”, disse. Manuel tinha 47 anos e trabalhava como ajudante geral. Devoto da santa, ele saiu a pé de São José na tarde de sexta-feira (27). Outros dois homens que estavam com ele não foram atingidos no acidente. “Ele era muito alegre, ria o tempo todo e adorava trabalhar”, conta a esposa. Além da mulher, ele deixa três filhos, de 16, 20 e 26 anos. Nas redes sociais, a banda Rosa de Saron lamentou o acidente (leia mais abaixo).

Acidente

Um romeiro que seguia para o Santuário de Aparecida (SP) morreu atropelado por um ônibus de uma banda católica na manhã deste sábado (28) na via Dutra. Outros dois homens que faziam a peregrinação com ele não foram atingidos. Os integrantes da banda Rosa de Saron estavam no coletivo, mas não ficaram feridos (leia mais abaixo). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os três caminhavam pelo acostamento da pista sentido RJ, no trecho de Aparecida, quando o coletivo perdeu o controle e invadiu o trecho em que estavam.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Romeiro morre atropelado por ônibus de banda católica na Dutra em Aparecida; Veículo passou por vistoria — Foto: Tiago Bezerra/ TV Vanguarda

A vítima, que tinha 47 anos e era de São José dos Campos, morreu no local. Manuel Santos dos Anjos iria até a Basílica de Aparecida agradecer por uma cirurgia. De acordo com a Nova Dutra, concessionária que administra a rodovia, o atropelamento ocorreu na altura do km 75. O ônibus saiu de Campinas e seguia para o Rio de Janeiro. Segundo a empresa, não houve interdição na pista ou congestionamento. A concessionária ainda informou que dá orientações para que os romeiros utilizem um caminho mais seguro para a peregrinação até Aparecida, como a Rota da Luz. Entre setembro e outubro o movimento de romeiros que peregrinam até a Basílica de Aparecida pela Dutra é intenso.

Banda lamentou

Todos os integrantes da banda Rosa de Saron e equipe de produção estavam no veículo no momento do acidente e nenhum deles se feriu. O grupo publicou nas redes sociais que lamenta a morte e que, devido ao acidente, cancelou o show que faria neste sábado em Macaé (RJ) (veja a publicação completa abaixo).

View this post on Instagram

A banda Rosa de Saron, com muito pesar, comunica que o ônibus que nos conduzia para um evento em Macaé RJ, se envolveu em um acidente na Rodovia Dutra, na altura da cidade de Aparecida SP. Nesse acidente, tragicamente, uma pessoa que caminhava as margens da rodovia, foi atingida e infelizmente não resistiu. Informamos que a banda e toda equipe não se feriram, porém habita em nós um sentimento de profunda tristeza pela vida que se perdeu. Abalados, mas com o coração em Deus, pedimos a todos que se unam a nós em orações pela família da vítima a qual abraçamos com nosso luto e pesar. É muito difícil descrever nesse momento a situação e nossos sentimentos. Em função de tudo isso não estaremos nos apresentando hoje em Macaé. Deus abençoe a todos.

A post shared by Rosa de Saron (@bandarosadesaron) on

Investigação

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o ônibus perdeu o controle na altura do km 75, invadiu o acostamento e caiu em uma valeta. A suspeita é que a barra de direção do veículo tenha quebrado. “Em depoimento, o motorista disse que ouviu um barulho e que o carro simplesmente jogou para direita. A parte da perícia técnica vai verificar”, disse José Ferreira, inspetor da Polícia Rodoviária Federal. O veículo vai passar por perícia, que vai determinar a causa do acidente. Não há prazo definido.

Romeiro morre atropelado por ônibus de banda católica na Dutra em Aparecida  — Foto: Tiago Bezerra/ TV Vanguarda

Romeiro que morreu atropelado por ônibus iria a Aparecida agradecer por cirurgia — Foto: Arquivo pessoal