Por volta das 20h45, desta quinta-feira (21), uma guarnicão da Polícia Militar foi solicitada pelo CICOM para averiguar informações sobre um tiroteio ocorrido na Rua Alto Bela Vista, no Bairro São Lourenço. Ao chegar no local, os militares confirmaram o fato. Uma vítima de disparos de arma de fogo estava caída e morta no interior de uma residência. Trata-se de Wilker Conceição de Jesus, 23 anos de idade, vulgo “Zói”, que trabalhava como mecânico de motos.

CLIQUE AQUI, imagens fortes.

Segundo informações, o Wilker estava em casa, onde morava com a avó, recebeu uma ligação e estava saindo, quando foi surpreendido por criminosos armados, que começaram a atirar. O jovem mecânico ainda chegou a entrar no seu carro, um veículo Marca/Modelo VW/Golf, de cor prata, mas os criminosos atiravam o tempo todo. Ele conseguiu sair do carro, já ferido, e correu umas cinco casas à frente. Ele ainda pulou um muro, na tentativa de se livrar dos criminosos, e caiu nos fundos da residência.

O delegado plantonista, Charlton Fraga, esteve no local, juntamente com uma equipe de peritos do DPT, efetuando o levantamento cadavérica e a perícia de local. Os peritos recolheram diversos estojos de arma calibre 38 (revólver). Os peritos disseram que os indícios apontam para o uso de dois revólveres. Após a perícia, o corpo foi removido ao IML de Teixeira de Freitas, onde passará por necropsia nesta manhã de sexta-feira (22).

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

https://liberdadenews.com.br/images/galeria/21_05_20/IMG_3081.JPG

Wilker é irmão de Witalo Simões de Souza, 19 anos, assassinado a tiros em fevereiro de 2018, em uma oficina de motos, na Avenida Padre Anchieta, em Teixeira. Segundo informações levantadas por nossa equipe de reportagem, o Witalo teria sido morto no lugar do irmão (Wilker). Ainda segundo informações, o Wilker teria se envolvido em uma briga na cidade de Alcobaça em 2018. Na ocasião, ele é alguns amigos brigaram com um grupo de pessoas. Uma dessas pessoas teria sido assassinada depois pelo grupo de Wilker. Segundo familiares do Wilker, ele não participou desse homicídio. Ele participou da briga anterior, mas não teria se envolvido no crime. Mas, depois disso, ele vinha sendo constantemente ameaçado de morte. A família acredita que a morte dele e do irmão tenha sido por vingança por conta dessa confusão. // Liberdade News.

https://liberdadenews.com.br/images/galeria/21_05_20/IMG_3078.JPG

https://liberdadenews.com.br/images/galeria/21_05_20/IMG_3084.JPG