O prefeito Herzem Gusmão (MDB) recebeu com tranquilidade a notícia e reafirmou a sua posição de resistir: “Apresentaremos os números”.

Com a negativa do prefeito, o MP ingressou na Vara da Fazenda Pública pedindo a suspensão do funcionamento do comércio e outras atividades econômicas não essenciais, e de templos religiosos. como medida de contenção à propagação do coronavírus em Vitória da Conquista. A PGM – Procuradoria Geral do Município aguarda o comunicado (citação) da Vara da Fazenda Pública para se pronunciar.

O prefeito Herzem Gusmão (MDB) recebeu com tranquilidade a notícia e reafirmou a sua posição de resistir: “Vamos apresentar números que atestam que o nosso cenário continua sendo um exemplo para Bahia. Basta comparar o número de casos e óbitos com outras cidades menores. A taxa de ocupação de leitos de UTI também favorece”, disse o prefeito. Sobre as igrejas Herzem Gusmão sentenciou: “Deixa o povo de Deus orar. Faz bem ao Brasil, a Bahia, e a nossa querida Vitória da Conquista”, disse.

Recomendação nacional do CNPM

A promotora Guiomar Miranda decide formular um pedido, exatamente quando na última sexta-feira (19), O CNPM – Conselho Nacional do Ministério Público recomentou que não cabe ao MP interferir nas decisões dos gestores municipais. A presidência/CNPM expediu a Recomendação n° 2 desta última sex-feira, ao MP de todo Brasil, para evitar a fiscalização de atos de execução de políticas públicas, e que seja respeitada a autonomia do gestor. Disse também que não cabe aos promotores e promotoras, a adoção de medida judicial ou extrajudicial destinada à modificar o mérito da escolha do gestor. A Prefeitura e seguimentos importantes da cidade, estão confiantes, que a Justiça não acatará o pedido do MP.

Reação

A Prefeitura terá 72 horas para contestar a tese da promotora. No último levantamento que o BRG fez, utilizando como fonte, um mapa digital, divulgado pelo Bahia Notícias, do último sábado, 20 de junho, destacou em manchete, que Vitória da Conquista, tem menos casos e mortes por Covid, do que outras cidades da Bahia com população menor. Na data do levantamento, Vitória da Conquista registrava 460 casos e 12 óbitos. No boletim de ontem (22), são 523 casos e 13 óbitos. // Blog da Resenha Geral.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook