Oito festas clandestinas que reuniram cerca de 800 pessoas foram encerradas, entre a noite de quarta-feira (30) e a madrugada desta quinta, 31 de dezembro, no litoral sul de Porto Seguro. As ações da Polícia Militar ocorrem em meio ao endurecimento das regras de um decreto do governo da Bahia para conter o avanço do novo coronavírus, causador da Covid-19.

Em Trancoso, festas distintas, realizadas em condomínios de luxo, reuniam 500 e 200 pessoas, respectivamente. Também em Trancoso, a PM flagrou uma terceira festa dada para 100 pessoas em uma residência na Estrada dos Macacos. As outras duas festas tinham um número menor de pessoas. Assista:

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Já em Arraial d’Ajuda, os policiais acabaram com três eventos de pequeno porte. As festas maiores contavam com estrutura de som e atrações musicais ao vivo. Os equipamentos foram apreendidos. Os organizadores não foram presos, mas serão processados por “infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa”, conforme prevê o artigo 268 do Código Penal Brasileiro. // Radar 64, com imagem da TV Bahia.

Arquivo de PORTO SEGURO – Namidia News

Jornal da Manhã | Polícia Militar encerra 15 festas de réveillon em Porto  Seguro, no extremo sul da Bahia | Globoplay