Um policial militar à paisana morreu após trocar tiros com uma guarnição da 2° Companhia (CIA) do 5° Batalhão de Polícia Militar (BPM) por volta das 11h20 desta quarta-feira (18), no município de Tucano. De acordo com a polícia, ele era suspeito de ter roubado um veículo e a ação aconteceu durante tentativa de fuga do PM.

Segundo apurou a reportagem do Portal Cleriston Silva, a equipe foi avisada de que um carro havia sido tomado de assalto na cidade de Euclides da Cunha e o suspeito estava fugindo em direção à Tucano. Antes disso, o policial havia tentado roubar uma moto anunciada para venda na web, mas não conseguiu porque o veículo estava travado. Como não obteve êxito na ação criminosa, o PM atirou contra o proprietário, que foi atingido no abdômen, mas não corre risco de morte. Assista o momento do assalto:

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Siga nosso Instagram

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Em seguida, na Rua Dom Pedro II, no Centro da cidade, o policial abordou a motorista de um Chevrolet Prisma que estava na companhia de uma criança, obrigou que ela saísse do veículo e levou o automóvel. Câmeras de segurança flagraram toda a ação.

Os policiais do 5º BPM, então, montaram uma barreira na BR-116 – nas proximidades do distrito de Tracupá – para encontrar o veículo. Lá os agentes avistaram um carro com as mesmas características. Foi dada uma ordem de parada, mais o condutor reagiu e atirou contra a equipe, que revidou e o atingiu. O policial, identificado como Kaio Wilker de Araújo Brito, foi socorrido e levado ao Hospital Municipal Mariana Penedo, porém não resistiu. Ele tinha 26 anos e era lotado na 67ª CIPM em Feira de Santana. A arma do PM foi apreendida.