agosto 2019
D S T Q Q S S
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

:: ‘Destaque1’

Tristeza: Universitária morre após motoqueiro furar blitz e ser baleada por policial militar

A estudante universitária Thalia Oliveira, de 18 anos, foi morta vítima de arma de fogo, na madrugada deste domingo (18), por volta das 5h, no município de Rio Preto da Eva, distante 60,57 quilômetros em linha reta de Manaus. O suspeito de ter cometido o crime é um sargento da Polícia Militar do Amazonas identificado como Rosivaldo Oliveira.

De acordo com testemunhas, Thalia voltava com um amigo de uma festa em um posto de combustível em uma motocicleta, quando eles foram parados em uma blitz da PM. Na ocasião, o condutor e o sargento teriam entrado em uma discussão e, ao deixarem o local (a vítima e o condutor do veículo), o policial atirou em direção a eles, atingindo a cabeça da vítima. Outra versão diz que o rapaz furou a blitz em um sinal de parada, hipótese sustentada pelo comando da PM.Thalia estava cursando o 1º período do curso de Psicologia, em uma faculdade particular da capital. Ela ainda foi atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu ao ferimento e morreu no local. O Instituto Médico legal (IML) foi acionado e fez a remoção do corpo.

Polícia Militar se pronuncia

Em nota, o Comando Geral da Polícia Militar informou que o sargento da PM efetuou o disparo, que atingiu a jovem de 18 anos de idade, após a motocicleta não parar durante abordagem policial. O caso será apurado pela Diretoria de Justiça e Disciplina (DJD), que instaurou procedimento administrativo contra o militar que responderá a Inquérito Policial Militar (IPM) com o imediato afastamento de suas funções até a conclusão dos procedimentos judiciais cabíveis.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Bom Jesus da Lapa: Mulher mata rapaz que a teria assediado em bar. Suspeita foi presa

Um jovem identificado como Cleber de Souza, de 30, foi morto durante uma confusão no bar 077, localizado na Avenida Manoel Novaes, em Bom Jesus da Lapa. Segundo informações divulgadas pela Polícia Civil, a autora do homicídio foi identificada como Evlin Soares da Silva, de 20 anos. Ela alegou que sofreu assédio de Cleber e durante a briga, se defendeu utilizando um canivete, com o qual o golpeou.

Ainda segundo a polícia, populares socorreram a vítima e a levaram à UPA, onde morreu devido à gravidade dos ferimentos. A equipe médica disse que um dos golpes de canivete atingiu o seu coração. Ainda segundo a polícia disse ao Portal Lapa Oester, Evlin não fugiu do local e foi detida em flagrante por uma guarnição da Militar e conduzida à sede da 24a Coorpin, onde foi autuada em flagrante pelo Delegado Antonio de Albuquerque César.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Região: Mulher que matou companheiro o conheceu pelas redes sociais e se mudou há 15 dias

Ana Paula do Nascimento Damascena é acusada de matar o companheiro, Jean Magno de Araújo a golpes de faca na fazenda Barrocão em Barra da Estiva, conforme divulgado pelo Informe Barra. Segundo informações da polícia passadas à reportagem, a autora foi presa em flagrante, momento em que era espancada por populares que tentavam linchá-la por causa do crime.

Ana Paula é do Espírito Santo e havia pouco mais de 15 dias que estava morando em Barra da Estiva, depois de ter conhecido Jean pelas redes sociais e vindo morar com com o mesmo. A motivação do crime não foi divulgada. A Polícia Militar prendeu a autora em flagrante, que foi encaminhada para a delegacia de Brumado. O corpo de Jean foi encaminhado ao IML (Instituto Médico legal) de Brumado para necropsia e posteriormente ser liberado aos familiares para sepultamento.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Luto: Morre o ex-deputado estadual, federal e pecuarista de Itororó, Eujácio Simões

Faleceu na madrugada deste domingo em Salvador o ex-deputado estadual e federal Eujácio Simões Viana Filho de 71 anos. O político nasceu em Itororó em 15 de junho de 1948 e é filho de Eujácio Simões Viana, figura importante no nascimento da cidade de Itororó, tendo ele acompanhado e participado da emancipação política do município.

CONHEÇA UM POUCO DA HISTÓRIA DE EUJÁCIO SIMÕES VIANA FILHO

Em 1971 formou-se arquiteto pela Universidade Federal da Bahia (Ufba).

Em 1974, tornou-se diretor da Fundação Instituto de Urbanismo e Administração Municipal, em Salvador, permanecendo até 1978. No ano seguinte, foi nomeado diretor da Empresa Baiana de Saneamento. Em 1983, tornou-se presidente da Companhia de Engenharia Rural da Bahia, permanecendo até 1986.

Em novembro desse ano, elegeu-se deputado estadual constituinte, pelo Partido da Frente Liberal (PFL). Assumindo em março do ano seguinte, participou dos trabalhos legislativos como vice-líder do partido e presidente da Comissão de Fiscalização e Controle do Executivo. Em 1989, ingressou no Partido Liberal (PL), exercendo o restante do mandato por essa legenda. Participou dos trabalhos na Assembléia Estadual Constituinte como vice-presidente da Comissão Sistematizadora. Na Assembléia Legislativa, foi líder do PL e presidente da Comissão de Fiscalização e Controle do Executivo.

Em outubro de 1990 foi reeleito. Assumindo no início do ano seguinte, participou dos trabalhos legislativos como líder do PL, líder do bloco da maioria e do governo estadual e presidente da mesa da Assembléia Legislativa.

Em outubro de 1994 elegeu-se deputado federal. Assumindo em fevereiro do ano seguinte, foi titular da Comissão de Finanças e Tributação e vice-líder do bloco formado por PL, Partido Social Democrático (PSD) e Partido Social Cristão (PSC). Participou como titular e suplente de diversas comissões especiais, entre elas (como titular) a de serviços de telecomunicações, de incentivo ao turismo, do voto facultativo, de viabilização dos projetos públicos federais de irrigação e recursos hídricos e da política nacional de petróleo. Foi titular da comissão mista (Câmara e Senado) do crédito rural.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Guanambi: Suspeito de atropelar e matar o atleta cadeirante Jacson Silva já está preso

Policias militares do 17º Batalhão de Polícia Militar (BPM) prenderam o homem responsável pela morte do paratleta Jacson Silva Saltos, ocorrida na tarde deste sábado (17), durante a XXIII Corrida do Suruá, em Guanambi. Segundo a polícia, um homem, identificado como Jailson Ramos Moreira, 46 anos, foi preso em flagrante, apresentando visível estado de embriaguez. Ele conduzia uma Chevrolet Astra, licenciado em Guanambi e reside na Fazenda Pau Ferro, zona rural do município.

O comandante do 17º BPM, Arthur Mascarenhas informou, que o motorista causador do acidente havia sido preso há cerca de três meses por esfaquear a esposa, mas já estava em liberdade por determinação da justiça. Segundo informações da Agência Sertão, a Polícia Militar informou que uma viatura e três motocicletas acompanharam os atletas durante todo o percurso da prova. Uma equipe do Departamento de Trânsito também trabalhava no evento. A festa que ocorreria após a corrida na comunidade do Suruá foi cancelada. O corpo de Jacson deve ser encaminhado para Ipiaú nas próximas horas. Ainda conforme a polícia, Jailson pode responder por homicídio doloso.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Menos um: Criminoso envolvido em 30 homicídios na Bahia tem CPF cancelado pela Cipe

Wedson Jonhson Schimanki Alves, 19 anos, apontado pela polícia como autor de assassinatos na Região Metropolitana de Salvador (RMS) foi surpreendido, na manhã deste sábado (17), por equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Litoral Norte (LN), em Alagoinhas. Wedson já era alvo da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) e postava fotos armado nas redes sociais.

Recentemente ironizou, em uma postagem no Instagram, a notícia de um ano sem homicídios na cidade de Madre de Deus. Segundo a SSP, em uma postagem da Prefeitura sobre o período sem mortes, Jonhson colocou o comentário: “1 ano é msm?”. Apontado como traficante e homicida, Wedson estava escondido na cidade de Alagoinhas juntamente com o comparsa Luan Tiago Santos Damasceno. Após denúncia anônima e ações de inteligência da 17ª Delegacia Territorial (DT/Madre de Deus), guarnições da Cipe LN encontraram a dupla na Rua 21 de Setembro.

Ainda conforme informações da Secretaria de Segurança Pública, percebendo a aproximação dos policiais, os criminosos atiraram e terminaram atingidos durante confronto. Os dois chegaram a ser socorridos, mas não resistiram. A polícia apreendeu com os criminosos dois revólveres calibre 38, munições, dois tabletes de maconha, 58 trouxas da mesma erva, uma balança, R$15 em espécie e um documento falso com nome de Lucas que era usado por Johnson.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Bahia: Motociclista morre e amigo sofre lesão grave em acidente na rodovia BA-001

Um acidente de moto deixou um homem morto e outro ferido, por volta das 4h da madrugada deste sábado (17), no km 15 da BA-001, zona rural de Porto Seguro. Conforme a Polícia Rodoviária Estadual, Adelson Oliveira Gomes, 49 anos e Gildeon Lopes da Silva, de 37, sofreram uma queda enquanto se deslocavam de um bar, na localidade conhecida como Três Vendas, para o distrito de Vale Verde.

“Há suspeita de que o motociclista tenha perdido o controle da moto em uma ladeira e caiu, já que não havia marcas de frenagem na pista”, afirmou um policial ao Radar 64. Adelson, que conduzia a moto, morreu na hora. Gildeon foi levado para o Hospital Luís Eduardo Magalhães, em Porto Seguro, com suspeita de lesão na coluna. Moradores de Vale Verde, Adelson e Gildeon eram amigos e trabalhavam em um hotel no litoral sul do município. O corpo de Adelson foi encaminhado para o Instituto Médico Legal, em Porto Seguro. O exame de necropsia deve apontar a causa da morte. A moto será periciada.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Fatal: Motociclistas furam bloqueio em ponte e 2 morrem degolados por corda de nylon

Um motociclista e o garupa morreram degolados por uma corda de nylon na madrugada deste sábado (17) após a dupla furar dois bloqueios montados pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) para impedir o trânsito durante obras na Ponte Jânio Quadros, na Zona Norte de São Paulo. A ponte, conhecida como Vila Maria, foi bloqueada na sexta-feira (16) no sentido bairro.

A corda atravessava a via e estava fixada em duas grades, mas a CET ainda não explicou a finalidade dela. A corda atingiu o pescoço do motociclista William de Souza Falcão, de 30 anos, que foi decapitado. O homem que estava na garupa sofreu um corte profundo no pescoço e também morreu. Em nota, a CET disse que “os bloqueios de interdição para as obras de reforço da ponte da Vila Maria foram feitos por uma barreira com cerca de 50 cones em dois pontos – acesso da Marginal para a ponte, com cones, e viatura da CET com 2 agentes – e outro bloqueio na av. Guilherme Cothing com rua Juvenal Gomes Coimbra – com mais uma viatura e dois agentes”.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Região: Indivíduo entra em confronto com a PM e tem CPF cancelado em Itapetinga

Após informação da comunidade através de ligação anônima na noite desta sexta-feira (16), policiais da 8ª CIPM saíram em diligência para verificar a denúncia que um grupo de homens possivelmente armados estariam em atitude suspeita na Rua Waldir Pires, no Bairro Otávio Camões. Segundo o site Sudoeste 24 Horas, ao chegarem na localidade os PM´s foram surpreendidos por disparos de arma de fogo, sem ter outra opção, os policiais revidaram, e durante o confronto armado um indivíduo identificado como Breno, foi alvejado. Em seguida, na tentativa de poupar a vida do agressor, a guarnição em uma ação rápida levou Breno ao pronto socorro do Hospital Cristo Redentor, porém Breno Souza, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Itapetinga para passar por necropsia.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Brasil: Marido de Flordelis teria caso com a filha dela, revela mãe do pastor assassinado

A mãe do pastor Anderson do Carmo, Maria Edna do Carmo, revelou, em depoimento à Polícia Civil, que havia boatos de que seu filho estava tendo um caso com Simone dos Santos, uma das filhas biológicas da pastora Flordelis dos Santos de Souza, de um relacionamento anterior da deputada federal. Maria Edna relatou ainda que soube da informação por um frequentador da igreja de Flordelis e Anderson. Ela foi ouvida por policiais da Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo no dia 24 de julho. diz o jornal Extra.

Edna afirmou que o mesmo fiel que lhe relatou o boato perguntou se o seu filho estava se separando de Flordelis. A mãe do pastor contou também que o discurso da pastora havia mudado e em suas pregações, ela vinha dizendo que “o diabo havia entrado em sua família”. Maria Edna revelou ainda que Anderson já havia se relacionado com Simone na adolescência, antes de namorar com Flordelis. Ela contou que Flordelis acompanhou sua gravidez de Anderson, tendo convivido com o filho durante a sua infância. Maria Edna afirmou que era contra o relacionamento de seu filho com Flordelis. Anderson e a pastora tinham uma diferença de idade de 16 anos. Eles começaram a se relacionar quando Anderson tinha 14 anos e Flordelis, 30.

Dois filhos de Flordelis – Flávio dos Santos Rodrigues e Lucas Cezar dos Santos de Souza – são acusados da morte de Anderson. No depoimento, Edna afirma que acredita não só na participação de Flávio, mas também de Flordelis, Simone e de uma das netas na morte de Anderson. De acordo com o relato, um dos filhos de Flordelis contou à avó que a pastora determinava que remédios fossem colocados na comida de Anderson e havia reuniões na casa da família para sondar como o pastor poderia ser morto, já que o medicamento não estava fazendo o efeito esperado. Maria Edna diz acreditar que Flordelis está tentando incriminar Lucas, que é filho adotivo de Flordelis e Anderson. A mãe do pastor ainda fez revelações sobre o paradeiro do telefone celular de Flávio, que nunca foi encontrado pela polícia. Ela afirma que antes de ser preso, após o enterro de Anderson, o rapaz entregou o aparelho para Simone, junto com um “bolo de dinheiro”.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »