Um avião da companhia aérea Azul precisou fazer manobras no ar logo após a decolagem do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, no começo da tarde desta quarta-feira (20). Segundo a BH Airport, que administra o terminal, foi necessário que a aeronave voltasse 38 minutos após decolar por conta de problemas técnicos.

A empresa explicou que o voo 4136, da Azul Linhas Aéreas, seguia para Guanambi, interior da Bahia. O avião teria sofrido uma pane no trem de pouso, e por isso, “queimou combustível para pousar”. Segundo imagens do painel Flight Radar, a aeronave deu voltas próximo ao terminal, e minutos depois, pousou em segurança. O Corpo de Bombeiros precisou ser acionado, mas de forma preventiva. Já que o avião gastou combustível para pousar mais leve, o risco de explosão diminuiu, e não houve necessidade de atuação imediata dos militares.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Com Informações do Vitória da Conquista Notícias

A BH Airport explicou ainda que todos os procedimentos “foram adotados para atendimento ao chamado de emergência”. Os passageiros foram desembarcados, e tanto a pista como a aeronave serão vistoriados. A pista ficou fechada por 18 minutos, e já voltou a operar sem impactos nos voos até às 14h50. Em nota ao site Itatiaia, a Azul confirmou o incidente, disse que prestou toda a assistência necessária e lamentou os aborrecimentos causados. “O pouso e o desembarque dos Clientes ocorreram normalmente e em total segurança”, afirmou. Reforçou ainda que “medidas como essas são necessárias para garantir a segurança das operações”.